A Secretaria de Saúde de Indaiatuba confirma uma morte por covid-19 e 66 novos casos da doença, nesta quarta-feira (21/7).

A morte ocorreu ontem (20/7) e a vítima foi uma jovem, de 28 anos, que estava internada no Hospital Augusto de Oliveira Camargo (Haoc) desde o dia 1º deste mês e também tinha obesidade mórbida.

Com isso, Indaiatuba soma 713 mortes por covid-19. Do total de 28.317 pessoas que tiveram a doença, além das que morreram, há 27.533 curados ou em recuperação domiciliar. Ainda há 2.066 casos suspeitos.

As taxas de internação apresentam melhora. Hoje, há 92 pessoas com sintomas de síndrome respiratória internadas no sistema de saúde de Indaiatuba e 71 delas já confirmaram o diagnóstico de covid-19.

No Hospital Augusto de Oliveira Camargo (Haoc), a taxa de ocupação da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) é de 88%. No Hospital Santa Ignês, a ocupação é de 62%. Os leitos de UTI alugados pela Prefeitura em hospital particular de Artur Nogueira estão 71% ocupados.

Nas enfermarias, as taxas de ocupação são de 62% no Haoc e de 59% no Hospital Santa Ignês.

VACINADOS CONTRA A COVID-19

1ª DOSE: 126.687
2ª DOSE: 39.645
DOSE ÚNICA: 6.860
TOTAL IMUNIZADOS: 46.505

CUIDADOS

A Secretaria Municipal de Saúde orienta a pessoa que apresentar qualquer sintoma de contaminação pelo coronavírus, que procure o atendimento on-line Minha Saúde Covid-19. O acesso é pelo site da Prefeitura.

Dúvidas podem ser esclarecidas pelo WhatsApp (19) 9779-3856.

Os cuidados preventivos não podem ser esquecidos: usar a máscara ao sair de casa, manter o distanciamento social, evitar aglomerações e higienizar as mãos frequentemente.

(Fonte: Secretaria de Saúde de Indaiatuba)

Share:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.