É o valor mais caro praticado em praças de pedágio na Região Metropolitana de Campinas

Por Patrícia Lisboa

A tarifa do pedágio da Rodovia Santos Dumont (SP-75), na praça de Indaiatuba, sobe de R$ 14 para R$ 15,20, em cada sentido, a partir desta quinta-feira (1º/7).

O reajuste é de 8,06% e foi autorizado pela Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp). O percentual foi baseado na correção da inflação pelo indicador econômico IPCA, entre junho/2020 e maio/2021.

O valor da tarifa da praça de pedágio de Indaiatuba é o mais caro da Região Metropolitana de Campinas (RMC). O segundo maior valor é de R$ 13,20, cobrado na Rodovia Professor Zeferino Vaz, em Paulínia; e o terceiro mais caro é de R$ 10,50, cobrado na Rodovia Anhanguera, em Valinhos.

O reajuste nas tarifas de pedágio é feito anualmente. Essa correção de 8,06% é válida para as tarifas dos pedágios das rodovias administradas pelas 17 concessionárias pertencentes às três primeiras etapas do Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo.

As concessionárias da primeira etapa são: CCR Autoban, AB Colinas, Ecovias, Intervias, Renovias, CCR SPVias, Tebe, AB Triângulo do Sol e CCR ViaOeste. Pertencem à segunda etapa as concessionárias CART, Ecopistas, CCR RodoAnel, Rodovias do Tietê, Rota das Bandeiras, SPMar e ViaRondon. Além destas, Tamoios (terceira etapa) e Entrevias também terão os valores atualizados, de acordo com as previsões contratuais.

Share:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.