A Secretaria de Saúde de Indaiatuba confirma mais duas mortes por covid-19, nesta segunda-feira (12/7) e o total de vítimas fatais sobe para 698 pessoas. Também foram registrados 86 novos casos da doença.

As vítimas são um rapaz, de 29 anos, que estava internado desde o dia 14 de junho, no Hospital Santa Ignês, e não tinha comorbidades, e uma mulher, de 45 anos, que também estava no hospital particular, desde o dia 13 de junho, e tinha hipertensão e obesidade como comorbidades.

Com isso, Indaiatuba soma 698 vítimas fatais da covid-19 desde o início da pandemia até hoje. Do total de 27.449 pessoas que contraíram a doença na cidade, além das que morreram, são 26.657 curados ou em recuperação domiciliar. Ainda há 2.138 casos suspeitos.

INTERNAÇÕES

Hoje, há 113 pessoas com sintomas de síndrome respiratória internadas nas alas para a covid-19, em Indaiatuba, e 94 delas já têm diagnóstico confirmado para a doença.

Do total de internados, 64 estão em leitos de enfermarias e 49 estão em leitos das Unidades de Terapia Intensiva (UTIs).

A taxa de ocupação dos leitos de UTI é de 100% no Haoc e de 69% no Hospital Santa Ignês. Os leitos alugados pela rede municipal de saúde em hospital particular de Arthur Nogueira têm 100% de ocupação.

Os leitos de enfermaria têm 97% de ocupação, no Haoc, e 71% no Hospital Santa Ignês.

FILA DE ESPERA

Dez pessoas esperam vagas em enfermaria da rede pública. No Hospital Santa Ignês, não há fila de espera por leitos.

VACINADOS CONTRA A COVID-19

1ª DOSE: 115.817
2ª DOSE: 33.400
DOSE ÚNICA: 5.127

CUIDADOS

A Secretaria Municipal de Saúde orienta a pessoa que apresentar qualquer sintoma de contaminação pelo coronavírus, que procure o atendimento on-line Minha Saúde Covid-19. O acesso é pelo site da Prefeitura.

Dúvidas podem ser esclarecidas pelo WhatsApp (19) 9779-3856.

Os cuidados preventivos não podem ser esquecidos: usar a máscara ao sair de casa, manter o distanciamento social, evitar aglomerações e higienizar as mãos frequentemente.

(Fonte: Secretaria de Saúde de Indaiatuba)

Share:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.