O governador de São Paulo, João Doria, o secretário de Estado da Saúde, Jean Gorinchteyn, e o presidente do Instituto Butantan, Dimas Covas, acompanharam, nesta segunda-feira (19/4), a chegada de mais um lote de 3 mil litros do Insumo Farmacêutico Ativo (IFA), suficientes para a produção pelo Butantan de 5 milhões de doses da vacina CoranaVac contra o novo coronavírus, que causa a covid-19. A carga desembarcou no Aeroporto Internacional de Guarulhos por volta de 6h.

“Estamos recebendo mais 3 mil litros dos insumos da vacina do Butantan que vieram de Pequim, na China, que serão transformados em 5 milhões de doses da vacina. Com isso, vamos chegar a 46,4 milhões de doses da vacina. É São Paulo, é o Butantan ajudando a vacinar o Brasil”, disse João Doria.

O lote enviado pela biofarmacêutica Sinovac, parceira internacional do Butantan e do Governo do Estado no desenvolvimento do imunizante chegou em um voo da companhia aérea Turkish Airlines que saiu de Pequim na sexta (16/4), fez escala em Istambul e em Dakar, até chegar em São Paulo, na manhã desta segunda (19/4).

A matéria-prima recebida nesta segunda-feira passará pelos processos de envase, rotulagem, embalagem e por um rígido processo controle de qualidade antes de serem disponibilizadas para a população por intermédio do Programa Nacional de Imunizações do, coordenado pelo Ministério da Saúde.

Em março, o Butantan recebeu uma remessa de 8,2 mil litros de IFA (Insumo Farmacêutico Ativo), correspondente a cerca de 14 milhões de doses. Outros 11 mil litros de insumos chegaram ao país em fevereiro. No final de 2020, o Butantan já havia recebido IFA que rendeu 3,8 milhões de vacinas.

Na última semana, o Butantan chegou a marca de 40,7 milhões de doses entregues ao PNI. Somente em abril foram 4,5 milhões. O total de envios corresponde a 88,4% das 46 milhões de doses previstas até 30 de abril no primeiro contrato do Instituto Butantan com o Ministério da Saúde. Em março, foram disponibilizadas 22,7 milhões de doses. Em fevereiro, 4,85 milhões e, em janeiro, 8,7 milhões de unidades.

(Fonte: Governo do Estado de São Paulo)

Share:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.